segunda-feira, 18 de abril de 2011

Fazendo da praça pública a nossa ÀGORA - SARAL II, em construação


precisamos provocar .....
precisamos invocar.........
precisamos de expressão maciça....
precisamos insuflar as maças À prática artística...
Precisamos ver o circo pegar fogo e rir do ridículo palhaço.
Precisamos refletir sobre quem somos.
Falar do outro sem olhá-lo com meus olhos.
Precisamos de música, dança, Pituras, arte gráfica....
precisamos dos generos teatrais, drama, tragédia, e para mim o mais empolgante, precisamos da comédia.
Faremos da arte a nossa incontestável protagonista, em todos os espaços públicos falaremos de assuntos e conteúdos de interesse público.
Mesmo que isso desagrade a alguns.
Mas somos cidadãos e sabemos o que queremos.
Queremos sarais, sarais e mais sarais. 
Onde nossa voz não se cale diante das injúrias e desgraças que acometem o mundo, onde nossa voz não se omita diante dos exageros, onde nossa opinião deva ser levada em consideração.
Saral, saral, saral....
o tema? HOMOFOBIA, Auteridade, ainda...
UM ataque de skiheads acaba de ocorrer, e ninguém quer falar, mas temos que fazê-lo.
É nossa responsabilidade.


o que acham de criarmos um saral juntos?

Alisson Nogueira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá pessoal. Agradeço por ter estado no blog. Espero que tenha gostado...Deixe sua opinião.